SME e INFOTUR apelam maior divulgação do visto de turismo para negócio

Uma maior divulgação do programa de atribuição de vistos de Turismo-Negócio, poderá contribuir fortemente para alavancar o ambiente de negócios no país, reconhece João António da Costa Dias, Director-Geral do Serviço de Migração e Estrangeiros.

Aquele responsável, explicou que os cidadãos estrangeiros que não fazem parte dos 68 países abrangidos no processo de isenção e simplificação dos procedimentos administrativos para a concessão do Visto de Turismo Online, podem solicitar o visto de Fronteira que é concedido territorialmente.

Os pronunciamentos do Director-Geral do SME, foram feitos à margem de uma audiência concedida ao Director do INFOTUR “Instituto de Fomento Turístico de Angola”, Afonso Vita, que teve como objectivo o fortalecimento os laços de cooperação entre as duas instituições e a apresentação do novo corpo directivo do Infotur, bem como o projecto do referido Instituto, que tem como o lema “Juntos e Todos pelo Turismo”.

“Somos parceiros, as nossas instituições devem continuar a trabalhar para a promoção do desenvolvimento do sector do turismo no país” assegurou o Oficial Comissário.

Por sua vez, o Director do Infotur manifestou a necessidade de se criar um grupo técnico para o relançamento e implementação do projecto de Software de registo dos hóspedes em hotéis e similares, bem como a criação de um plano de formação especializada para os técnicos.

Para o responsável, o sistema de concessão de visto melhorou bastante, sendo que hoje o cidadão estrangeiro em qualquer parte do mundo, já pode obter em menos de 72 horas o pré-visto, através do site www.smevisa.gov.ao e embarcar para Angola.  

As duas partes foram unanimes em admitir que deve se operacionalizar cada vez as acções, com vista o alcance dos objectivos comuns.

Por: w24magazine.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: